Tenha um estilo de vida Detox e não uma dieta

22.12.2020

Após as festas e início de um novo ano, promovem-se sumos de frutas, batidos, dietas líquidas, jejum (…), tudo para desintoxicar e com isso perder uns quilos a mais.

 

A verdade é que o verdadeiro processo Detox é feito pelos nossos rins, fígado, pulmões, pele, sistema gastrointestinal, desempenhando todos eles um papel essencial na eliminação de substâncias indesejadas, e assim eliminadas pelo suor, urina e fezes.

 

Sendo assim, logicamente fará sentido minimizar a nossa exposição a estas substâncias e adoção de um estilo de vida Detox facilitará todo este processo.

 

Um estilo de vida Detox não se refere somente a sumos de fruta e hortofrutícolas, até porque é algo contraproducente e impossível de manter a longo prazo, refere-se a estes mas também ao pescado, carne e ovos, leguminosas, frutos secos (…), alimentos que promovem o “processo de desintoxicação” pela ativação de determinadas enzimas.

 

A presença de alguns nutrientes na alimentação como a curcumina (presente no açafrão), selénio (presente na castanha do Pará), pectinas e ácido cítrico (presente nas frutas cítricas) poderão ajudar neste processo, bem como a prática de atividade física, pela produção de glutationa (antioxidante).

 

Desta forma ponha em prática o seu estilo de vida Detox: abuse de legumes e saladas; cozinhe com especiarias e ervas aromáticas; opte por carnes brancas e retire todas as gorduras visíveis; evite alimentos processados; mantenha-se hidratado; não fume e pratique desporto.

 

Siga estas estratégias diariamente e não necessitará de nenhuma “dieta Detox”, até porque o organismo encontra-se preparado para isso mesmo.

 

Patrícia Ferreira Moreira Nutricionista 4112N